Novas páginas


Quando abro a cada manhã a janela do meu quarto
É como se abrisse o mesmo livro
Numa página nova…

Mário Quintana

This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

Comments are closed.